Sites Grátis no Comunidades.net



Eletroportateis
CUPOM - 12% FVCZSXKDNV

Livros
20% em Livros CUPOM AE9F-6D67-E41F-14DA

 

 

Cupom com R$ 50,00 de desconto em desktops
KMBGTLAGWV

 

Webmaster,

Rentabilize o seu site com a Netaffiliation

 

 

Revista Contigo

 

Tênis Nike Air Dictate 2 MSL W
Por R$ 169,90
Multifuncional HP Deskjet Ink Advantage 3516, Wi-Fi, Imprime, Digitaliza e Copia - Jato de Tinta Térmica e-All-in-One
Por R$ 290,03



Total de visitas: 1947749
Miocalven
Miocalven

Laboratório

Farmalab

 

 

Apresentação de Miocalven

compr.: Cart. c/ 60 compr. Cada compr. contém: Citrato de cálcio 950 mg (equivalente a 200 mg de cálcio ionizável). Excipientes: Avicel pH 101, acdisol, syloid e estearato de magnésio.

 

 

Miocalven - Indicações

Miocalven está indicado para o tratamento da hipocalcemia e dos estados de deficiência de cálcio, tais como osteomalacia e raquitismo, e como tratamento complementar da osteoporose de várias etiologias (pós-menopausa, senil e induzida por corticosteróides e como conseqüência de gastrectomia ou de imobilização).Miocalven também está indicado no aumento das necessidades de cálcio que ocorrem durante a gravidez, a lactação e a crianças em fase de crescimento.

 

 

Contra-indicações de Miocalven

Miocalven está contra-indicado a pacientes portadores de insuficiência renal grave, hipercalciúria grave, hipercalcemia e que apresentem hipersensibilidade ao fármaco.

 

 

Advertências

Recomenda-se monitorização do cálcio sérico durante o tratamento prolongado com Miocalven.

 

 

Uso na gravidez de Miocalven

Miocalven também está indicado no aumento das necessidades de cálcio que ocorrem durante a gravidez, a lactação e crianças em fase de crescimento.

 

 

Interações medicamentosas de Miocalven

Miocalven pode reduzir a absorção de alguns bisfosfonatos (alendronato, tiludronato), fluoretos, fluoroquinolonas, tetraciclinas. Em caso de terapia simultânea, deve-se ter um intervalo de pelo menos 3 horas entre as administrações. A terapia simultânea com a vitamina D aumenta a absorção de cálcio. A absorção de cálcio no trato gastrintestinal pode ser diminuída pela ingestão simultânea de determinados alimentos, como por exemplo, espinafre, leite e seus derivados. Assim, se ingeridos separadamente, o cálcio poderá ser melhor aproveitado pelo organismo. Quando administrado em altas doses juntamente com a vitamina D, o cálcio pode reduzir a resposta aos bloqueadores dos canais de cálcio. Em pacientes tratados com digitálicos, a administração de altas doses de cálcio pode aumentar o risco de arritmias cardíacas. É essencial supervisão clínica cuidadosa, e se necessário acompanhamento com ECG e monitorização sérica do cálcio. Miocalven com diuréticos tiazídicos aumenta o risco de hipercalcemia. Nestes casos, aconselha-se a monitorização sérica de cálcio.

 

 

Reações adversas / Efeitos colaterais de Miocalven

Embora a incidência de reações adversas seja baixa, podem ocorrer raros casos de constipação intestinal e flatulência.

 

 

Miocalven - Posologia

A dose diária recomendada é de 1 comprimido, quatro a seis vezes ao dia, equivalente a 800 a 1.200 mg de cálcio elementar ou a critério médico. Os comprimidos do Miocalven podem ser deglutidos com um pouco de água, mastigados ou dissolvidos em meio copo de água. Na profilaxia da deficiência de cálcio, a dose recomendada para adultos e crianças maiores de 6 anos é de 800 mg ao dia. Em mulheres gestantes e que amamentam, a dose recomendada é de 1.000 a 1.200 mg ao dia. Para tratamento da hipocalcemia, a dose recomendada é de 800 mg a 1.200 mg ao dia. Na prevenção e tratamento da osteoporose de várias etiologias, a dose recomenda é de 800 mg a 1.500 mg ao dia.

 

 

Superdosagem

Quantidades excessivas de cálcio podem levar a hipercalcemia, complicação freqüentemente associada com a administração parenteral de sais de cálcio, mas que pode ocorrer com o uso da via oral, principalmente em pacientes com insuficiência renal. Os sintomas de hipercalcemia podem incluir: anorexia, náusea, vômitos, constipação, dor abdominal, fraqueza muscular, polidipsia, poliúria, nefrocalcinose, nefrolitíase, distúrbios mentais e, em casos graves, arritmias cardíacas e coma. Deve ser instituído tratamento sintomatológico ou de base de acordo com cada caso.

 

 

Miocalven - Informações

O cálcio é o mineral mais abundante no organismo e é essencial para o desenvolvimento e/ou funcionamento dos ossos, dentes, nervos, músculos e coagulação sangüínea. O cálcio é predominantemente absorvido no intestino delgado por transporte ativo e difusão passiva. Cerca de 1/3 do cálcio ingerido é absorvido, embora possa variar na dependência da forma do sal, de fatores dietéticos e do estado do intestino delgado. Após a absorção, o cálcio é eventualmente incorporado aos ossos e dentes com 99% da quantidade do cálcio do organismo presente no tecido esquelético. O restante do cálcio encontra-se presente tanto no fluido intra quanto extracelular. Cerca de 47% do conteúdo total de cálcio sangüíneo está sob a forma ionizada fisiologicamente ativa com aproximadamente 6% em complexo citrato, fosfato ou outros ânions e o restante ligado às proteínas, principalmente à albumina. A absorção de cálcio a partir do citrato de cálcio é muito superior que a do carbonato de cálcio (Harvey, 1990), não é praticamente afetada pela presença de alimentos e não sofre variação significante nos pacientes com hipo ou acloridria, como acontece com os pacientes idosos. A excreção do cálcio ocorre no leite materno, fezes e suor, e somente uma pequena quantidade é eliminada pela urina, uma vez que mais de 90% são reabsorvidos nos túbulos renais. Cada 1 g de citrato de cálcio fornece 21,2% de cálcio ionizável e é equivalente a 5,3 mmol de cálcio. Assim, cada comprimido de 950 mg de Miocalven oferece 200 mg de cálcio elementar. Na insuficiência renal crônica a excreção de cálcio diminui com a queda da taxa de filtração renal; na acidose renal a excreção de cálcio pode estar aumentada.